Mommy Makeover recupera a autoestima e vem ganhando força no Brasil, inclusive na pandemia

09:22:00

Apesar de toda felicidade com a realização da maternidade e da chegada do bebê tão esperado, muitas mulheres sofrem por não conseguir ter o corpo de antes da gestação. Muitas vezes, só dieta e exercícios não funcionam, pois aconteceram muitas mudanças hormonais e oscilação de peso, estresse na gravidez e, depois, com a nova rotina com bebê.


Barriga fica tipo avental (pochete), seios flácidos e, muitas vezes, caídos por causa da amamentação, sem contar, com aquelas gordurinhas localizadas indesejáveis. Muitas frustrações com a aparência pessoal. Infelizmente, muitas mulheres sentem essas dores e nem conseguem mais se olhar no espelho. Esse é um problema que interfere na vida a dois e até no trabalho.

Além disso, fica a pergunta: como é que as famosas conseguem ficar em forma tão rápido depois da gestação?

A resposta é simples: Mommy Makeover - termo pouco difundido no Brasil, mas vem conquistando muitas adeptas a cada dia, pois tem como meta resgatar a autoestima após o parto.

Em detalhes, estamos falando da associação de procedimentos cirúrgicos para MAMAS (Mamoplastia redutora ou Mastopexia com ou sem prótese), ABDÔMEN (abdominoplastia clássica/abdominoplastia emâncora/mini-abdominoplastia) e LIPOASPIRAÇÃO (ou lipoescultura nas coxas, braços e glúteos).

Uma curiosidade nessa pandemia é que o cirurgião plástico Dr. Diogo Coelho, um dos percussores dessa técnica em São Paulo e em Alphaville, percebeu crescimento de pacientes, até de outros Estados, na procura para a realização dessas plásticas (que virou febre entre as americanas).

“Foi uma surpresa esse aumento expressivo, que começou a partir de junho de 2020 . As novas consultas tem um perfil bem específico. São mamães, entre 30 aos 50 anos, que estão aproveitando o home office para realizar um grande sonho: ter seu corpo de volta à forma”, ressalta o especialista.

Segundo Coelho, são vários pontos a serem cuidados, tanto estéticos como acima citados, como funcionais, entre os quais, tratamento da temida diástase pós-parto (afastamento do músculo reto abdominal) e cirurgia íntima ou ninfoplastia, que é o procedimento que trata o excesso de tecidos dos pequenos lábios vaginais. Essas alterações podem ser por conta de alterações hormonais e pós-parto.

Mas não é qualquer pessoa que pode fazer Mommy Makeover. “O ideal é aguardar cerca de seis meses após a amamentação. Considerar também se a paciente deseja ter mais filhos e ela deve estar com IMC abaixo de 30, sem contar outros exames pré-operatórios após consulta e avaliação”, finaliza o cirurgião.

MITOS E VERDADES SOBRE MAMA

Desmistificando Silicone versus Amamentação

Afinal, a prótese mamária e o aleitamento materno são compatíveis? A mulher que colocou próteses de silicone pode amamentar normalmente?

Fique tranquila! Desde que colocada adequadamente, não há qualquer empecilho ou interferência no aleitamento materno. Normalmente o implante de silicone é colocado embaixo da glândula mamária ou embaixo do músculo peitoral, e em nenhum dos casos há qualquer tipo de interferência na produção de leite ou em seu sabor.

No caso da mastopexia ou da mamoplastia redutora, onde algumas vezes a prótese também pode ser usada, ainda assim não estará em contato com o leite. Mas a técnica para estes tipos de cirurgias nas quais muitas vezes grande parte do tecido mamário é retirado ou mesmo há um deslocamento grande da aréola, algum tipo de prejuízo na amamentação pode ocorrer, dependendo do caso. Mas a prótese nunca é a culpada nesses casos.

A Prótese de Mama Precisa Ser Trocada?

O silicone não é um material que dura para sempre, uma vez que tem data de validade. Em decorrência disso, há um momento que precisa ser trocado. Portanto, verdade!

É Possível Fazer uma Reconstrução Mamária?

O tipo de reconstrução de mama depende inicialmente do estágio da doença e do tipo de cirurgia que o mastologista irá realizar: Temos a colocação de expansores, que ajudam a dar volume e "esticam " a pele da mama operada Temos os retalhos de pele e músculo, representados principalmente pelo do abdômen (TRAM), que lembra um pouco uma abdominoplastia. E o de Grande Dorsal, usando pele e músculos das costas. Temos retalhos locais, onde a pele ao redor da mama pode ser usada Retalhos microcirúrgicos, onde uma parte de pele e músculo distantes da mama operada, são revascularizados para recompor o tecido retirado no tratamento do câncer.

Sim, é possível fazer uma reconstrução mamária e viver naturalmente.

Mamoplastia versus Mastopexia

Apesar dessas duas cirurgias plásticas serem realizadas nas mamas e terem nomes parecidos, a Mamoplastia e Mastopexia possuem objetivos diferentes.

MITOS E VERDADES SOBRE ABDOMEN

Abdominoplastia e Gravidez

Um dos principais questionamentos das mulheres em relação à abdominoplastia é se pode ser realizada antes da gravidez.

Esse procedimento, se realizado, pode feito sim, mas em alguns casos pode haver perda de estética. Retirar excesso de pele e deixar a barriga menos estufada são os principais objetivos da abdominoplastia.

Abdominoplastia: Tem Sempre que Ser Feita Junto com Lipo?

A abdominoplastia retira parte da pele flácida, ou seja, o excesso de pele, enquanto a lipoaspiração retira a gordura localizada.

A abdominoplastia é um procedimento cirúrgico recomendado para pacientes que apresentam excesso de pele e flacidez na região do abdômen. O que, na maioria das vezes, uma alimentação saudável e a prática de exercícios não conseguem atingir o resultado esperado.

Tanto a lipoaspiração quanto a abdominoplastia podem ser feitos separadamente, porém é muito comum serem realizados juntos, pois um potencializa o efeito do outro no contorno corporal.

Cirurgia de Abdômen Afina a Cintura?

Você já teve aquela sensação de que já fez de tudo para retirar aquela gordura localizada na barriga? Mesmo fazendo dieta, exercícios físicos, muitas vezes se torna difícil retirar o que muitos chamam de "pochete".

Para a maioria das mulheres, só uma cirurgia plástica de abdômen é que pode eliminar totalmente a flacidez da pele nessa área.

Uma dúvida recorrente acerca desse procedimento é: Será que a cirurgia também tem o poder de definir a cintura? A resposta é sim! A abdominoplastia associada à lipoaspiração vai modelar a área, de modo a torná-la mais firme, tonificada e mais harmônica, o que proporciona uma cintura mais afinada.

Além da mudança estética, muitas pacientes também sentem um aumento da autoestima, o que promove um maior bem-estar.

VOCÊ PODE GOSTAR DE ...

0 comentários

Web Analytics